8 de setembro de 2011

Instantes

Meu coração hoje me pergunta , o porque de tanta esperança , por que não esquecer e seguir o destino sem suas mãos a me guiar por caminhos desconhecidos ,não sei o que responder a esta,ainda sinto seu perfume em mim ,seus cabelos e suas mãos quentes e confortáveis,nossas risadas sem pretensões ,os olhares que nos seguiam ... sentido inveja de nossa felicidade que se estampava em qualquer lugar que adentrávamos!
Era você que meu coração inquieto procurava na escuridão ,era o seu calor que o meu frio pedia por proteção! Imaginar o vazio ao meu lado é pavoroso ,inquietante , desconheço as razões de estarmos longe um do outro ,de nos amarmos tão claramente e não conseguirmos estar juntos , sei que tens este sentimento dentro de si  e que também faz as mesmas perguntas aos seus sentimentos! Te amo cada dia mais e a distância só faz aumentar minha admiração por ti , sei que é cliché , mas é o que meu músculo pede pra te dizer. Sinto meu coração parar  quando escuto o seu respirar em minha nuca ,me dizendo baixinho coisas que eu quero ouvir , minhas mãos tremem com o tilintar de seus dedos a me anunciar sua chegada,sinto que posso tocar a felicidade nesses instantes de felicidade.