22 de dezembro de 2008

AMIZADE

Sentimento gostoso ,que sempre de uma forma ou de outra, aparece por aqui!Guardo a todos em um coração apertado ,pra que todos que o habita ,sintam-se quentes com o calor do meu amor por cada um !


10 de dezembro de 2008

Demônios da Garôa,Jair Rodrigues e Maria Rita





Esse presente , me foi dado por nada menos que minha amiga Cris Barufi, não digo o ingresso , mas o prazer de conhecer melhor o trabalho de pessoas tão magnificas ,como Demônios da Garôa , já conhecia o trabalho deles mas não tinha a noção do carinho que eles passam a seu público e a alegria que nos dar de vê-los em cima do palco, sorridentes e satisfeito com o seu trabalho ,pessoas dignas de um público fiel.Jair Rodrigues dispensa comentários,atônito e ao mesmo tempo centrado em seus muitos passos sobre o palco , deixando a todos com um ar de intimidade com o cantor , cantou músicas que já são do agrado do grande público animou a todos no Centro de Convenções , fazendo da noite que começou espetacular ,com ar de nostalgia !
Maria Rita , era a responsável pelo o fim da noite , com o seu novo show, Samba Meu , a moça não deixou a desejar , fez o que se comprometeu , sorriu e dançou , o que por sinal faz muito bem , ao olhá-la no palco ,sente-se uma leveza de pássaros , que sem nenhum esforço assobiam em janelas de pessoas que nem se conhece;
No balanço , foi um ótimo show , deixando os meus ouvidos com um gostinho de quero mais , esse talvez seja o último show deste ano que eu venha assistir, mas que fecha meu ano com grande estilo!

7 de dezembro de 2008

O SHOW DO ANO




Ana Carolina com toda sua majestade ,veio a Brasília mais uma vez nos apresentar o seu show- Dois Quartos!
Eu como grande fã de seu trabalho ,fui prestigiá-la e reverenciá-la,fui com amigos e não somente isso , mas pessoas que fizeram parte de minha vida durante todo esse ano o que me fez um bem enorme!
O show começou com cantinho com toda sua transparência, mas Ana como a enxergo,sempre me passa tranquilidade nessa exposição e isso anima a todos os seus fãs ,a quererem mais desse néctar , em meio aos gritos e palavras de amor , ela sorrir e agradece tanta alegria !
O show ,foi diferente teve um brilho teve sua personalidade forte , e isso impactou na reação do público, Ela sempre linda de olhar profundo , o que me inspira uma poesia , uma força que sufoca meu coração ,sem a qual não sobreviveria se não existisse,ela já faz parte de minha vida e nem sabe disso ,gritei e esbravejei , chorei e sorrir , e o melhor de tudo , viví momentos inesquecíveis com pessoas memoráveis !

23 de novembro de 2008



Os dias sufocantes ,
como se estivessem sempre ao passo de um mergulho mal sucedido ,
alguém segura minha cabeça como se quisesse , desejasse que não retornasse,
tento me livrar de tal sufocamento , debato-me e imploro por um segundo de ar ,
não me é permitido , mas ainda assim consigo livrar-me, e ao virar pra tentar reconhecer tal carrasco , não enxergo-o e sinto um certo alívio.

Primeiro por talvez estar livre ( grande engano ) ,
segundo por não reconhecer tal elemento ,

os instantes seguintes traduzem , medo , dor...
continuo sem entender ,
me enxergo e me assusto mais uma vez,
como isso pode ocorrer?
minha alma , ali ,
como se outra fosse ,
e ela chora ,
isso não pode , estou em um momento tão feliz em minha vida ,
como ela pode estar triste?
Me aproximo , e ela se esquiva ,
tento entendê-la, sondá-la
ela nada me diz ,

(silêncio)

Observo , e continuo a nada entender ,
Mais uns instantes e ela resolve me sorrir,
e dizer o que se passa!
-Moça , não sou mas como pensas ser,
estou livre ,
você me libertou !
-Eu ?
-Sim, você ! me fez ser eu , como a muito queria ser , desse sufocamentoque não conseguia me livrar , agora tenho tempo pra ser feliz , deixar amarguras e dor ,
ter amigos e com tudo isso me permitir sorrir !
- Então porque choravas ?
- Eu também preciso lavar meu espírito , para que minhas tristezas entendam que esse meu caminho acabou, e que minha história , era rascunho agora passa a ser definitiva !

21 de novembro de 2008


Foto Marchello

Estou com vontade de te dizer agora : oi,
e ver de perto ,
minhas mãos a enxugar às lágrimas de alegria ,
ao te ver aqui ,
Essas mesmas mãos , que sem saber o que fazer ,
de tanto te querer ,
Sem nexo ou retrocessos , puxa
por sua cintura , e num beijo demorado e sem pudores
consigo tocar-te no ar e sentir sua presença real
e incessante , pulsante,
E com seus lábios ainda molhando os meus ,
não quero dizer , o adeus tão necessário

March- Te amo !!

16 de outubro de 2008

EU SIMPLES ASSIM!


Mesmo que a intenção não seja essa ;
sigo os meus instintos , como ladina que sou!
Por mais que eu tenha convicção do que seria,
me faço e dou-me o direito de ser interrogação;
Não quero ser mais nem menos,
hoje decidi !
Quero ser apenas eu ,
mesmo que seja só lágrimas,
serei eu ,
E se quiser, ou ser, só sorrisos ,
ainda assim serei eu!
O que passa ,
o que faz-me,
o que desejo,
o que absorvo,
o olhar se perde como se o destino não quisesse esse encontro ,
o mundo revela-se tão distante,que às vezes percebo-me como telespectadora do meu viver.
Olho fixamente ,
pra tudo que encanta,
o cantar de uma certa cantora,
o abrir e fechar das mãos ,
o mexer dos pés de pessoas inquietas,
o sorriso de um amigo.
E se ainda assim ,
a intenção não for essa !
continuarei a ser simplesmente , EU!

9 de outubro de 2008

A noite do dia 8 de outubro


Noite com sereno gostoso,
com ar de malícia ,
começa fasseira cheia de estrelas e luar abençoado,
e o meu olhar pra fora anunciando o grande clamor,
Isso por que Lenine estava na cidade , fazendo o que de melhor se propõe ,cantando!
Nos presenteou com seu novo show -LABIATA- um show de movimentos e sons , uma aventura musical propriamente dita ;
no palco com toda sua tranquilidade e leveza sem timidez mas toda destreza de quem sabe o que fazer .
O êxtase de estar ali , observando suas novas canções e assistindo àquele show ..... sublime !

Amiga , a quem me faz companhia em programas que só nós entendemos ou sentimos daquela maneira , não é a mesma coisa estar ali sem você , dá próxima vamos né ?

2 de outubro de 2008

Foto: Cris Barufi



"A amizade é uma amor que nunca morre "
Mário Quintana

Há alguns dias recebi um gracioso presente , de uma amiga na qual estou cultivando uma grande admiração!
Pra ser mais exata ganhei esse mimo no dia 27/09/2008 ,dia do show da Zélia Duncan e da Simone ( Amigo é Casa) , o presente é o dvd do show , no qual até ontem não tinha tido a oportunidade de apreciá-lo.
Com a imagem do grande espetáculo que foi o show ao vivo em minha mente, o dvd não deixa a desejar , às músicas ,o cuidado do cenário , a emoção da Simone ao declarar o seu grande amor a sua amizade é impressionante...
Ao ouvir e ver novamente cada canção , confirmei o que a muito trago com a minha personalidade , o sentimento de preservação de cada amizade que conquistei ao longo dos meus 24 anos , às vezes até me chateava com essa minha mania de restringir-me a uns poucos , mas hoje isso já não me constrange ,e sim, me envaidece pois sei e acredito que tenho amigos sinceros e verdadeiros.
E esse sentimento nobre de amizade tornou-se único e exclusivo em minha vida , até em um grande amor busco esse lindo valor; após grandes perdas descobrir que esse valor era o que iria me segurar ,para que as pilastras de meu corpo não desabassem ,pra que eu podesse começar a recontar e reconstruir minhas buscas e estórias .

19 de setembro de 2008

CONFESSO!

foto: autor desconhecido
Que se o tempo não passasse tão rápido ,
eu ficaria assim com você ...
não insistiria tanto,
Não atropelaria tanto.
Se ele,
Não fosse tão afoito ,
faria mais afagos com ar de "pecado",
amor com mais amasso;
ah se ele não fosse tão rápido,
ficaria com você sem pressa para um fim,
sem 'usura" e sem carmim,
Em nossas ondas ,
talvez existissem mais ... há você sabe o quê!
(risos)
E ao fim dormiríamos um pro outro ,
sem um começo ,
sem um fim !

12 de setembro de 2008

PSIU!!

foto: autor desconhecido

Estou aqui!!

Será que não vês

Que preciso de você,
Do seu aperto,
De seu sapato junto ao meu,
do meu pulsar junto ao seu,
do seu olhar acabrunhado,
do teu andar apressado,


Não sabe que sua mão ,
talvez eu queira ,
para balançar junto a minha,
pra desenrolarmos a linha da vida,

Ai! quero você aqui ,
nem que seja só pra ficar assim...
sem fazer nada
comendo pipoca ,
deitada no seu colinho...

Quero ir com você lá ,
onde só você sabe ,
tomar aquele shopp gelado ,
e ouvir você dizer que me quer...


Ao fechar meus olhos,
o abismos entre o meu corpo e o seu ,
me evoca uma dor ,
um amor,
um ardor,

Ah! será que ...

não , não pode ser
te amei tanto,
e agora nada,

Silêncios e lamentações ,
se confundem com saudade,
Não!
Para !
Preciso de você aqui ,
na verdade , quero você aqui!

Silêncios invadem-me
e o vazio é cortante,
a realidade é outra,
eu sou outra,

Sinto , não poder mais
correr pra você,
segurar-me em você,

Psiu!
Volta,
Vem pra perto ,
faz-me aquele afago novamente,
não diga que não dá ,
não é isso que quero ouvir,

(..Silêncio...)


Bastava você dizer um sim,

4 de setembro de 2008

Resposta


O nada às vezes nos responde o que nem sempre procuramos...
às verdades ocultas e avessas ... palavras ásperas e deveras frias ...
mas nunca nos deixa sem palavras !!

INCERTEZAS

Foto: Rosa Rocha
SEMPRE ASSIM...
NA MEDIDA ,

NO MEDO ,

NA DOR

1 de setembro de 2008

ANIVERSÁRIO DA CRIS!!

Foto: Arquivo pessoal-Rosa Rocha
Ufa !! Mas um ano se passou , e é isso , ou só isso; Essa data que te fez ser , que se torna tão emblemática , que chega a ter um suspiro de saudade; e talvez seja essa , que torna a vida tão saborosa com temperos tão irresistíveis , Sendo assim, sempre digo a àqueles que tenho apreço, Feliz aniversário , porque foram experiências , vida tão vivida, que não tenho talvez , palavras melhores a desejar; Tudo acontece em um ano; encontros e desencontros , fatos ,sorrisos ,fantasias; tudo acontece, e nada é como antes às vezes melhor ou pior mas sempre, temos algo novo pra adicionarmos em nossa caixinha de vida ! Chegamos em apenas 1 ano , até Amar ,ou "Desamar" , Mas sempre procurando equilibrar , A brisa do ar , passa a ser, a ter aquele cheiro , àquele sentir diferente, e os minutos e segundo , passam a ser únicos , Assim sendo , chame os amigos pra celebrar... goze do luar, de uma boa música , de uma vida , que é só sua , Aniversários , tornam a vida um tanto mais completa, talvez por estar passando por mais uma quimera, sem que seja vazia , ou tardia! Tardia sim! Pois ainda há aqueles que não sabem o quanto é importante saber aproveitar cada segundo ... Agora vazia não,qualquer lampejo de saudade,tristeza, e a melhor de todas Alegria...preenchem esse líquido ,que chamamos de vida! Mas você não... Basta olhar pra esse seu "sorriso frouxo" e sentir que sabe onde estar... que sabe o que está fazendo , e que sua vida não admite rascunho, Então sempre , sempre seja assim, mesmo nas adversidades... imponha sua alegria sobre elas... Mesmo distante das pessoas que ama ,procure sempre um meio de estar por perto... e se está por perto... ai demonstre o quanto elas valem pra ti... Mas independente de qualquer ou de quem seja... Seja você mesma!

\O/ Então desejo , uma alegria inusitada uma felicidade eterna... uma veracidade inconfundível bjus de sua amiga rosa !! [;)]

27 de agosto de 2008

OLHARES

Foto: Cris Barufi
A cada veio de água que escorre pra lugares que ninguém sabe , vejo ilusões que um dia pensei que fossem reais ;
A cada saudade que surge por cima de saudades, a mim , chegam lembranças que de nada mas se faz valer !

24 de agosto de 2008

Isabella Taviane - Mais Uma Vez

Foto: Rosa Rocha/Cris Barufi

Nossa, quanta felicidade !! Fui mais uma vez ao show da Isa e como sempre perfeito !! sua maquiagem ,sua roupa e a sensação de amizade e cumplicidade , entre ela e nós é simplesmente , assim... Eu e Cris como sempre abrimos o local , chegamos cedo e ali ficamos espiando ,tentando ver algo ,pra saber antes de todo mundo o que se passava por ali... naquele solo sagrado,chamamos a produtora do evento que por sua vez chama a empresária da isa , que com uma simpatia que muitos não tem, nos permitiu que adentrássemos o local , que estava radiante e muito , mas muito sublime ,pois isa estava na passagem de som ... e num clima descontraído selecionava o melhor do seu talento pra logo mais. Pronto terminou o ensaio , ela já podia nos atender , fomos nós desprendida do que seja , abraçamos beijamos e presenteamos Isa e Marco com a nossa camiseta - fã clube ( peixinhos do Planalto) , que adoraram , tiramos fotos autografamos nossas camisetas e nos aliviamos os corações. Pronto ,agora faltava só o show , fizemos a social , ficamos por ali até começar o que estava prometido pra noite ... Glau e Miara chegam e assim completam o quarteto , fazendo a noite ficar completa ... vem uma , duas , três , quatro cantoras antecedendo a grande apresentação... Ela começa seu show , com mon amour ... e nós na grade ; mas o que que é isso , tem espaço só para os vips e nos não ficamos com tão perto quanto pensamos estar [:(], mas é ai que surge a mesma moça que antes nos colocou antes de todos no evento e consegue que ficássemos lá , na área vip. Então estávamos como sempre ficamos , aos pés da sublime Isabella , seu show como sempre é um espectáculo dos amantes , e românticos..fazendo cenas e acontecimentos inacreditáveis , amores sendo confirmados durante a música diga sim, e confirmação de nossa liberdade , do nosso não importar , de nossas mentes livres de amarras !! Sua presença e de palco já não é segredo pra gente , e é isso que talvez não entenda , como ir a um show 2 , 3,4 vezes e não se sentir saciada desse veneno ou será antídoto para dores e alegrias , que se matam e sobrevivem com cada soar de canções pra grandes amores , para anjos e demônios , para sim's ou não's ,podres instantes que se condizem e traduzem inconfundíveis amores e temores ! Assim , continuo não entendendo , esse momento ... que parece parar ;estagnar pra que possa relembrar àqueles momentos , Nesse foi diferente , preferir não gritar tanto ... pois queria curtir o show em toda sua magnitude , ouvir o que realmente me cala o coração ou ensurdece os ouvidos do mundo , Sentir , que o amor que tenho ,não é só meu , que o amor de um tudo , é o todo de um monte , e que a saudade de meus olhos e só minha ; E curtir isso com minha pele e voz é inesquecível !

22/08/08

Foto: Rosa Rocha

20 anos da fundação palmares ....
20 anos de comemoração,por uma luta de direitos iguais , para um tanto que de tanto pedir ... talvez nem creia mas em ações que realmente valham,e por isso hoje viva mais feliz , pois passamos a acreditar em nós mesmos e assim buscamos ser os melhores , e conseguimos com isso um reconhecimento de nossa própria sociedade individual.
E para abrilhantar essa noite ninguém menos ou mais que Zezé Mota ,que nos presentou com sua belíssima voz e interpretação juntamente com a maravilhosa Maga - Margareth Menezes que com sua presença forte , de uma guerreira , talvez nem precisasse cantar tanto,pra dizer que a bahia é aqui , que o melhor do Brasil somos todos nós e que o Primeiro mundo , é tudo isso !!

14 de agosto de 2008

Verdades Passadas


na veracidade dos fatos ...
tornou-se assim!
ouvidos mudos,
pensamentos vadios,
sentimentos sólidos.
esquinas se encontram,
para que se percam em caminhos , que não se sabe ,
ainda assim , somos nós !
as melodias do acordar ,
tornam-se às mesmas ...
risos frouxos passam a ser assim... frouxos
e os olhos já não são mais os meus ,
mentiras ditas ,
agora talvez ,tornam-se verdades...
e na agonia de um dia passado,
os toques suaves...hoje avesso do acaso,
veem verdades ,
disturbios ,
e delírios ...
ilusões ou vertigens,
mas juntos e precisos...

12 de agosto de 2008

PAULLA TOLLER

Foto: Rosa Rocha/Cris Barufi
Simplesmente emocionante! A Paula Toller com seu vestido preto básico , tornou àquele meio de noite ,um dos melhores do mês até agora, o shopping lotado onde não cabia desengano de amor por aquela música , o desejo que todos tinham ali , de escutar sucessos antigos era incabível , mas ela fez com que todos admirassem seu trabalho solo : só nos, que por sinal está lindo , louvável de escutar , um bom remédio para ouvidos que já estejam calejados de escutar uma música bocejada de tédio e sem conteúdo! Fui com minhas amigas que trouxeram seus amigos e assim tornamos um show que tinha tudo pra ser mais um de tantos que já fomos juntas , em um simplesmente ,fantástico ... não pelas músicas , que também nos acalentaram , mas por estarmos mais uma vez reunidas. Na grade , em pé , com máquinas a postos ,cantando , gritando , esse é o nosso ponto de encontro...e assim conseguimos unir uma amizade que está se tornando inexplicável ... não é Cris !!!??? Com uma espera na lua ... outra em casas de sapê , a noite foi se tecendo como se nada tivesse a acontecer , aventurar-se por ela, era o que no propunha a mesma , e aderia, a essa sua proposta quem coragem tivesse para desatar cada nó de um luar tão sorridente . Decidimos não dormir ,pra que ela ficasse conosco um pouco mais , e assim firmasse com cada brilhar de estrela , nossos olhares sobre a alegria de estarmos assim , sempre por perto!!

5 de agosto de 2008

AQUI

Nas ruas escuras do meu coração , procurava quase que continuamente uma fecho que seja de algo que pudesse colorir os meus dias , quase que sem fim .Por alguns instantes esse fecho aparece , mas com uma luz ínfima que quase não a percebera , nem sempre o enxergava ,mas sentia o seu pequeno calor que sempre se esforçava pra que eu sentisse sua presença , ali , me protegendo e me dizendo em seu silêncio , que estavas comigo.

11 de julho de 2008

às vezes quero gritar , mas o som emudece em minhas pregas vocais ,

sons e flashs se expressam em molduras ,e recortes no coração se espalham por todo, transmitindo alegrias e lamentos ,

verdades se escondem
absurdos se expõem e
nada mas me constrange ...

o lamento sacrifica às sanidades ,
alegrias sobrepõe desejos e nada más me resta ...

10 de julho de 2008

SAUDADE

Nossa , saudade é um bixo esquisito !

Ontem , pessoas que nem conhecia e que vieram nos visitar por uma semana,nos deixaram , e eu que nem sabia que tinha tanto amor assim por elas fiquei extremamente triste .Comecei a sentir saudades assim que me levantei pela manhã e lembrei que já era quarta-feira , e que elas partiriam logo a noite .

Fiquei o dia inteiro em estado de repouso , o coração já se apertava e começava a gotejar lágrimas de saudades , a respiração já se encontrava presa e a vontade de chorar era tamanha .A casa ficou vazia, o que nos remete a pensar : como em tão pouco tempo podemos amar pessoas que a alguns dias atrás não nos fazia parte?,podemos até dizer que o sangue "puxa " , mas não acredito nisso , acredito em empatia , em dedicação pra que tudo saia bem.

Fui deixá-las no aeroporto , e a minha maior vontade a todo momento era de chorar , pois deixariam muita saudade !!E não deu outra na despedida assim que embarcaram , cai em prantos e não conseguia me controlar , e senti o quanto que é ruim novamente se afastar de pessoas tão queridas ...
Voltando pra casa , só pensava no vazio da casa , na falta das perguntas da garotinha e a serenidade da mãe ...
Agora , muita SAUDADE ...

9 de julho de 2008

"Porque , eu sou feita pro amor ...
da cabeça aos pés ,
e não faço outra coisa
do que me doar !!" (AC)
Ei , perdoa ...

7 de julho de 2008

DIFERENÇAS


Sou uma romântica velada em voz , e descarada na escrita...
Mas como ser assim com o sexo igual , sem transparecer desejo carnal ,
Amo amigos e amigas , não como amores e amantes ,
Enxergo sempre com os olhos do meu coração sangrado ,
Sinto o calor da pureza cristalizada ,
Onde estou a morar em castelos sem vidraças ,
Em que o escudo do meu olhar se dissipa,
E explico-me sempre , com a clareza desconexa dos acasos;
Sentidos contrário a mim ,
Esbravejam insanidades sem fim ,
Forças se escondem ,
Verdades se expôem ,
Gritos no silêncio de um olhar me repreendem ,
Anúncios e prelúdios nos denunciam ,
Sou talvez ,
Sussurros de absurdos corretos ,
Abstinência de compahia ,
E a satisfação da alegria ,
Amigos iguais ,
Amigos normais
Que diferença isso faz ,

guardar talvez seja a saída , mas pra quem se guarda ?

guardar por guardar não vale a pena ,

mostrar o que se guarda talvez se esconda o que na verdade se diz ,

e o que se quer talvez não exponha ,

dizer o que se sente ,

ou tenha ,talvez ninguem possa entender ,

mas te alivia de ter tanto peso a "esconder"!!

Momento Família

Hum , é tão bom ...
Não é segredo pra ninguém que a família é a base de tudo !!
E nesse tudo inclui , sermos solidários , amigos , solícitos uns com os outros , e essa parceria se estende a parceiros que veem de longe , onde nem pensavamos existir o amor .
Recebemos duas pessoas esse fim de semana que já estão deixando saudades ,antes mesmo de saírem , e voltarem pra sua casa . Uma garotinha experta , que adora falar... mas que quando sai de casa e me deixa sozinha sinto falta de suas perguntas ,a outra é uma mulher super educada e meiga , que nos cativou com sua delicadeza e presteza !!
Agora , somos mas que família agora , nos tornamos irmãs e tias ,sobrinha e cunhada ... agora vocês estão mas que dentro do coração !!

bjus é vocês serão sempre nossa família !!

3 de julho de 2008

MOMENTOS



Quero falar mesmo desta sazonalidade de sentimentos que por alguns minutos , instantes , dias ,sei lá , tornam -se gargálos em nossas vidas , sentimentos não tolos ,pois não acredito em sentimentos fúteis, mas talvez desencorajadores .
Não por falta de força ,mas por máscaras dos mesmos , às facetas que nos mostra e apresenta-nos a uma nova fase da vida, é desprovida sempre de uma face de cinismo , de que tudo sempre dará certo , e sabemos que é o que quase nunca acontece .
Com esta tal força nos impulsionando , amamos ,desamamos , fazemos até samba ...
e alegrias delirantes nos mostra a forma fácil da alegria descarada e fértil .As atitudes , de coragem ou falta dela se enfacetam de fantasias e orgasmos saudosos nos momentos de clareza vital .
Momentos esses , que demonstram toda nossa fraqueza diante do mundo apresentado , e a sensação de incapacidade preenche um vazio ainda não encontrado.As formas desse quebra cabeças , começam a encaichaxar-se , e como se fosse uma brincadeira de lego , demonstra-se como se nada fosse ou se nada tivesse , nos momentos seguintes .
Feridas que queriam voltar a viver são novamente esquecidas , lugares queridos tornam-se platônicos , amores voltam a ser visíveis, e o instante que passou , volta a ser habitável .




"Eu ando enganando a
solidão

Mantendo a casa cheia

Quase nem me
reconheço
aqui

Tentando
sorrir..."

Isabella Taviani




Manter-se sempre ocupada , nao é tarefa fácil ...
e fingir que nada acontece é bem pior ,
as saudades e felicidades se confundem com olhares contrários e se destroem a medida que o tempo percorre ,passados e presentes , dominam o vazio do coração que de tão vazio , produz melodias de silêncio...
Não pensar , talvez não seja a melhor maneira de ser livre de passados sombrios , mas como livrar-me se sou o meu passado !!
às verdades de paixões que talvez um dia me calaria às vozes de lamentações , não são suficientes para desfazer gargalos de tristezas e nós de sofrimento !!
A final tornei-me , vazio e desejo , e se algo valeu ?
Tudo vale, se nada percorre o caminho vazio de acontecimentos !!!

1 de julho de 2008

Um Edifício No Meio do Mundo
Ana Carolina
Composição: Ana Carolina / Jorge Vercilo



Os meus olhos cheios d'água
Seu mar vazio
Qual é o fio que nos une e nos separa?
Eu quero seu sorriso
No correr da minha hora
E não falta nada pra gente ser feliz agora
Só por você eu dei até o que eu não tive
Há tantos que vivem sem viver um grande amor
Eu que sonhei por tanto tempo em ser livre
Me prenda em seus braços
É o que eu te peço .
Somos um barco no meio da chuva
Um edifício no meio do mundo
Fortes e unidos como a imensidão
Num passeio no meio da rua
Vamos dias e noites afora
Agora podemos ver na escuridão
Só por você eu dei até o que eu não tive
Há tantos que vivem sem viver um grande amor
Eu que sonhei por tanto tempo em ser livre
Me prenda em seus braços
É o que eu te peço .

30 de junho de 2008

E eu quem dava o nó


ao sentar-me no vazio do quarto , deparo-me com a imensidão de silêncios ,às paredes tortas e brancas referenciam a lembranças talvez não vividas , o vão entre portas denunciam passadas silênciosas e as janelas tocam sinfonias , ao cerrá-las ainda escuto insistentes tons em sua vidraça , mas sem perceber ensurdeço o coração pra cada lamentação .

O blues passa a pulsar em minhas veias e quando me reencontro , estou eu , a gaita e ele com solfejos em dó,uma canção tão bela e aparentemente infértil ,que alivia e ressussita o músculo ,às gotejas de sentimento que suspiram , refrescam o corpo por todo ,a vaga lembrança de um céu enluarado ,me pertuba a memória , mãos frias e quentes se alternam em melodias , que surpreendem às quimeras , taças de vinhos se multiplicam na mesa sozinha , e assim noites passam , dias veem ,e só , permaneço entoar canções àtoas.


Me torno a cada luar sereno ,um corpo sem pele ,que sente a cada tocar de brisa, uma esperança de que ouves cada pensamento, cada palavra de solidão dedicada a você !!!

28 de junho de 2008

VIVER




A cada novo amanhecer , recebo a graça de poder escolher mais uma vez se serei mais do que fui ontem ;abro a cada novo dia uma página de vida a ser escrita com a cautela de uma borboleta ao voar sobre as pétalas de uma flor.E isso pode assustar a alguns , pois nunca se sabe o que poderia ser desenhado em cada linha.
Se pensar bem , a página passa no tempo sendo rascunhada e ai talvez consiga que a minha linha do tempo seja um borrão , feia e mal elaborada ... mas quem tem essa receita ?de uma vida limpa , sem tropeços e arranhões ,tristezas e saudades ... viche acho q estou redesenhando a estrada da vida , e não adianta querer que ela seja perfeita ,colorida e alegre ,por que não será , a beleza do viver está justamente nas dificuldades de superar os obstáculos que vão surgindo !!!
Tentar ser melhor , a cada dia , um pé atrás do outro , uma mão lavando a outra ,sorrisos , lágrimas , saudade...
ISSO É VIVER

27 de junho de 2008

Beca


e por não vê-lo ,

sinto-me ainda deslisando em suas retas rudes ,

e por não senti-lo , tenho a sensação de estar sem mãos ,

e ao imaginá-lo percebo meu coração palpitar ,

e só de tê-lo em meus braços,me debruço sobre suas curvas ,

e tento experimentá-lo,

e ao sentir-te ...

rodopio em minha mente,e imagino seus versos sussurrarem , em minhas orelhas ...

que harmoniosamente se compilam entre imagens e versos ,

desliso sobre suas cordas a cada verso imaginado ,

a cada dedilhado ,

a cada "estrebrilho"...

e assim navego em suas tarrachas amaciando -as como se mãos fossem ...

sem muito jeito , até encontrarmos um som sadio ,

e assim será até a noite acabar, os pássaros voltarem a cantar .

e eu timidamente voltar a solfejar ,

sobre suas cordas quentes,

e o meu cantar aveludado novamente.

Dissintônia



"...a noite além da noite
me faz
lembrar
o que eu não vivi
e toda essa estória
esse segredo
memória num vendaval ..."


(lobão)







Me dói quando sob o sol da manha,

olho ao redor ,

e a porta entre aberta denuncia sua ausência ,

meus pensamentos vagueiam ao olhar fotografias espalhadas pelo quarto ,

tristezas veem consolar minha solidão ,

e toda vez que entro em nossas vidas ,

sinto que nada mudará nossa decisão ,

Você se esquece de crescer ,

e eu cresci de mais ,

você me pede o que não posso dar ,

e eu choro por não poder te oferecer ,

você se mostra fraco,

e eu imploro para que seja o contrário ,e com isso,

os ponteiros de nossas vidas se desencontram ,

o som do nosso amor desafina ,

e eu canto sozinha .

26 de junho de 2008

Mãe

Foto: Rosa Eugênia






Post ,inaugural ... e tinha de ser pra ela ... minha Deusa !! Mamãe Maria Rosa !!







Tornastes como um meio entre meu começo e o meu fim ,

e cada passo que teimo em dar ,

preciso saber se aprovarias ,

e fico num empasse ,

às vezes, ouço àquela voz que esbraveja em meus sonhos

e outras penso que estou alucinada e desisto de seguir .

Não é fácil não pensar em você,

é extranho,

ouvir sua voz sempre me acalmou ,

e não tê-la por perto me adverte.

O engraçado é que depois de tanto tempo ,

isso ainda faça parte do meu ser vivente,

e que , ainda machuque tanto .

Mas ao mesmo tempo fico feliz em saber que não te esqueci,

que lembro de cada gesto,

olhar de amor ou até de repreensão ,

com isso , acredito mais e mais ,

que fomos abençoadas ao "nascermos"pra vida juntas ,

pois é esse pesar que me faz estar sempre contigo,

em meus pensamentos trágicos,

aliviadores,

nostálgicos,

felizes.

Nesse dia de tanta dor ,

ao menos restou-nos essa recompensa ,

e que , sem perceber ,

nos uniu ainda mais .