6 de agosto de 2010

Um Sorriso Qualquer


O dia era de um sábado comum como qualquer outro,
Luana acordou cedo,fez sua caminhada e logo se acordou que teria dentista logo mais , se aprontou ,pegou as chaves de seu carro e partiu .
durante o trajeto ,ligou o rádio e lá estava passando à música de tantas gargalhadas , e o mesmo fez - gargalhou de suas lembranças e quando se deu conta ,lá estava .Adentrou ao prédio , até então tudo como antes , chamou o elevador e quando abre a porta , olhos verdes sorriam pra ela a convidando para entrar , um sorriso a cumprimenta e ela sem jeito retribui o olhar, o sorriso ;os dez andares pareciam não reduzir e a excitação exalava no ar , a respiração já era ofegante ,Luana estava fora de si ao ponto de direcionar-se para ir de encontro ao tal desconhecido,mas eis que o previsível acontece , o elevador para, e cada qual a seu destino segue , sem um tchau ,um sorriso qualquer.

4 comentários:

  1. Na próxima, se houver, seja mais ousada.

    ResponderExcluir
  2. É verdade, ouse.
    Tens um bonito sorriso. És jovem. És bonita.
    Porque não ousar.
    Faça as coisas acontecerem...

    ResponderExcluir
  3. OIe... estava de passagem e adorei o te blog...

    Estou te seguindo.

    Passa no meu tb.
    PEDAÇOS DO COTIDIANO
    http://pedacosdomeucotidiano.blogspot.com

    Te espero por la.
    Kisses
    Thaty

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita , e sinta-se a vontade para comentar!