6 de novembro de 2011

SILENCIAR-ME,



foi minha ação diante desta situação involuntária em que nos metemos ,é impossível ver-te acompanhado e não pedir ao meu coração o silêncio que preciso para digerir esta situação incômoda  ,momento este em que eu e este meu músculo que hoje encontra-se pequeno e inconformado com tanta desilusão pedimos licença ao tempo para ficarmos quietinhos com nossas lágrimas por esse amor reprimido.
percebo que a ilusão que tinha em possuir o seu sorriso , de ter seu olhos mirados nos meus ,vai ter que esperar mais um tempo até você me encontrar e perceber que não sou só  eu, mais que poderíamos ser nós!
 Precisava só que você me notasse por um instante que seja pra te dizer só com o meu olhar que eu não poderia ser mais feliz ,se eu tivesse você comigo ... para compartilharmos felicidade por toda a cidade,pelo meu coração... faria você acreditar em um amor que seria eterno.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita , e sinta-se a vontade para comentar!